página Inicial CDS Brasil
Serviços
Links Úteis Parceiros Contato
espaço
Serviços  >>  Serviços
Consultor Financeiro é essencial em tempos de crise ?

Poucos conhecem que além dos gerentes de banco, existem os verdadeiros profissionais de finanças que ajudam as pessoas a diversificar seus investimentos, especialmente em tempos de crise.
Empresários, executivos, profissionais liberais, atletas, artistas são os maiores clientes do consultor financeiro. "Mas a realidade é que muitos casais de classe média ou que trabalham como PJ (Pessoa Jurídica) procuram esse serviço para estudar a melhor solução para garantir rentabilidade para o estudo dos filhos, a ampliação dos negócios ou qualquer outro objetivo futuro", informa Carla dos Santos, consultora financeira e diretora da CDS Brasil.

- O que é um consultor financeiro pessoal? Como este profissional atua?

O consultor financeiro pessoal é um profissional que orienta pessoas físicas em suas decisões, tanto ativas quanto passivas. Isto engloba os investimentos de recursos no mercado financeiro, até a decisão de imobilizá-los na compra de um bem ou mesmo para fazer um financiamento. Este profissional primeiramente define o perfil de seu cliente, ou seja, se é conservador ou se está disposto a correr riscos. Este é o passo mais importante, pois, caso contrário, pode-se sugerir operações em que o cliente não estaria disposto a correr determinados riscos.

- Por que contratar um?

Normalmente, as pessoas contratam um consultor financeiro para orientá-las na sua alocação de carteira. O mercado financeiro brasileiro possui uma enorme diversificação de aplicações e operações. Desta forma, definido o perfil, o consultor delimitará os produtos que podem atender as expectativas do cliente e que realmente traga retorno financeiro.

- Em que situações um consultor pode ajudar? Ele pode somente aconselhar o cliente?

O consultor pode ajudar nas mais variadas situações, pois tem contato direto com outras pessoas do mercado financeiro e as informações sempre vêem sem influências, totalmente filtrada por esse profissional que, obrigatoriedade se mantém atualizado sobre qualquer mudanças, desde oscilações da Bolsa até as tributárias. O consultor financeiro pessoal só pode aconselhar o cliente. Caso esse profissional tenha gestão de carteira, onde o cliente transfere toda a responsabilidade de seus ativos, se faz necessário um registro na CVM, além de procurações específicas para que se possa operar junto às instituições financeiras em nome do cliente.

- É um serviço elitizado ou está ao alcance da maioria?

O serviço para a maioria é elitizado e customizado. Com mais frequência são oferecidos para "Gestão de Fortunas", ou seja, grandes patrimônios pessoais ou familiares.
- Quanto o cliente deve empregar para contratação de um profissional de finanças?

Como se trata de grandes volumes, o usual é um percentual anual incidente sobre o patrimônio do cliente, alguns consultores ou gestores, ainda atuam com um percentual de performance.
- Qual é a diferença entre um consultor pessoal e o gerente do banco?

A diferença é enorme entre o consultor pessoal e um gerente de banco. A principal é que o consultor pessoal buscará no mercado financeiro a melhor rentabilidade levando sempre em consideração o risco, principalmente neste grande momento de crise. No caso do gerente de banco, esse profissional fica restrito aos produtos oferecidos pela instituição financeira, que não necessariamente pode apresentar a melhor performance ou melhor operação.

- Quais os tipos de consultoria pessoal?

A consultoria pessoal pode variar na maneira de atuação:

a) consultoria financeira pessoal sem gestão direta de carteira;

b) consultoria financeira pessoal com gestão de carteira (opera em nome do cliente); e

c) consultoria financeira através dos chamados "Family Offices" (escritórios especializados em gestão de fortunas, que incluem ativos financeiros e imobilizado, que podem ter ou não a gestão).
- Que cuidados precisam ser observados ao contratar um consultor?

O importante é ser uma pessoa de confiança, com indicação e experiência no mercado financeiro, porque os volumes envolvidos são vultosos. A confidencialidade, o sigilo e a descrição são imprescindíveis, para não expor o cliente às situações indesejáveis.

- Em que casos há desvantagens nesta contratação?

Se o valor do patrimônio for pequeno, o consultor poderá cobrar um honorário fixo, isto poderá reduzir a rentabilidade da carteira, mas a figura do consultor é sempre bem vinda, pois além de se tratar de uma pessoa com experiência, duas cabeças sempre pensam melhor do que uma.

  voltar
   
 
Home
CDS Brasil
Empresa
Currículos
Parceiros
Links úteis
Serviços
Notícias
Notícias
Entrevistas
Entre em contato
CDS Brasil Soluções Financeiras
Rua Casa Forte, 708, Água Fria
São Paulo - SP - 02336-040
cdsbrasil@cdsbrasil.com.br
desenvolvido por